DIAGNÓSTICO FUNCIONAL DO JOELHO

1- Será que toda lesão é cirúrgica?

Mesmo após uma lesão grave, uma articulação pode funcionar normalmente pela qualidade de compensação do atleta/paciente, e isso deve ser avaliado para que a decisão de tratamento seja perfeita e não deixe dúvidas.

Protocolos internacionais tem sido desenvolvidos neste sentido, e neste mês, a CORD torna-se a primeira no ABC, e uma das primeiras no Brasil, a implantar esta AVALIAÇÃO FUNCIONAL aos seus pacientes. Esperamos com isso contribuir no diagnóstico dos pacientes e ter a certeza de seguir no melhor tratamento que cada paciente precise, evitando assim cirurgias em pacientes que NÃO NECESSITEM, e que possuam bom prognóstico com o tratamento não cirúrgico, que é baseado em fisioterapia adequada e prescrita de maneira individualizada a cada caso. 

O diagnóstico Funcional auxilia a tomada de decisão tanto do cirurgião, quanto do paciente, para ser ter mais certeza sobre qual rumo terapêutico deve-se tomar para o tratamento das repercussões que houveram após o trauma no joelho.

Além disso, o diagnóstico funcional, auxilia o fisioterapeuta e o cirurgião de joelho, a estabelecerem critérios claros e definidos, de retorno as atividades esportivas, após uma cirurgia de Reconstrução de LCA.

Quer saber se você deve mesmo operar o joelho, após um trama? Ou quando você esta realmente apto à retornar as suas atividades esportivas após uma cirurgia de joelho? Procure uma avaliação com o diagnóstico funcional da CORD.

 

Dr.Alexandre R.Alcaide

Especialista em Fisioterapia Esportiva

 

 

 

 
 
 
Sua avaliação é importante (Nota: 5):